A nossa sociedade é uma sociedade evoluída. Todavia, quando não lhe convém, afirma-se, normalmente, pelo disparate. Um desses é ridicularizar a fé na Eucaristia, relacionando-a com o analfabetismo, e dando a entender que a missa foi inventada pelos padres.
Leia o que Paulo transmite na primeira carta aos Coríntios, cerca de 25 anos depois da Morte e Ressurreição de Jesus: “Eu recebi do Senhor aquilo que vos transmiti, isto é, que O Senhor Jesus, na noite em que foi entregue, tomou o pão, deu graças a Deus, partiu-o e disse:
Isto é o Meu Corpo entregue para vosso benefício. Façam isto em memória de Mim.
Do mesmo modo, no fim da Ceia, tomou o cálice e disse: Este cálice é a nova Aliança feita com o Meu sangue. Sempre que dele beberem, façam-no em memória de Mim. Portanto, sempre que comerem este pão e beberem este cálice, estão a anunciar a morte do Senhor, até que Ele venha.” (P.C.L.)

Deixar uma resposta