Páscoa é passagem. Tudo passa. Algumas realidades passam mas ficam qual fermento a levedar a massa; outras passam mesmo porque já nada trazem de novo.
Fermento novo para fazermos o bolo da Páscoa que há-de crescer a alimentar a fé e a esperança ao longo de muitos e muitos dias.
Abandone o fermento do mal e escolha o fermento do bem.  Sentirá mundo a ressuscitar em cada momento.

img_4796img_4790

Deixe uma resposta